Histórias de Sucesso: Joana Maynard Moreno Maia

“Para mim, o Reação é o caminho que tenho para atingir meus objetivos e ser campeã olímpica”.

institutoreacao

A judoca Joana Moreno (Sub-18/52kg) tem 15 anos e começou no judo quando ainda era criança, em 2013, com quase nove anos de idade. Ela faz parte do Reação desde 2015 e, atualmente, integra a equipe de Alto Rendimento do programa Reação Olímpico.

A preparação física e técnica da atleta faixa roxa é intensa. Ela treina todos os dias da semana e, se houver atividade, também aos sábados no polo CDD-Taquara. A jovem tem o grande sonho de se tornar campeã olímpica um dia e, para isso, se espelha na sensei Yuko Fuji, técnica da seleção masculina principal de judô do Brasil, e a também atleta do Reação, Yasmim Lima.

Apesar de muito jovem, Joana já coleciona diversas medalhas em competições estaduais e nacionais representando o Reação. Em 2016, foi vice-campeã brasileira Sub-13 e no mesmo ano também ganhou a medalha de prata no Campeonato Brasileiro Regional. Dois anos depois, em 2018, ela conquistou o ouro na Copa São Paulo, na Copa Rio, no Torneiro de Encerramento da FJERJ e ganhou a medalha de bronze no Campeonato Brasileiro Sub-15. Já em 2019, Joana terminou em sétimo lugar na seletiva nacional, o que a permitiu se classificar para o Meeting Nacional de Base em 2020, onde conquistou o segundo lugar no evento este ano.

Quando não está treinando, Joana gosta de pintar, ver vídeos e conversar. Ela atualmente estuda no Colégio e Curso Ao Cubo e está no 1º ano do Ensino Médio.

Durante a pandemia do coronavírus, em 2020, ela foi uma das atletas fixas que comandaram lives no perfil do Instituto Reação no Instagram, sempre animando os seguidores e contribuindo para a prática da atividade física mesmo dentro de casa.

MENU