Histórias de Sucesso: Rafaela Silva

Comecei o judô em 2000, no início do projeto. Meu pai me colocou no esporte como alternativa para eu parar de ficar brigando na rua. No Judô, encontrei disciplina, passei a respeitar os outros e comecei a levar o esporte a sério. O judô me mostrou o mundo. Com os recursos que ganho, garanto meu sustento e ajudo a minha família a pagar as contas.

case_rafa02

Nascida e criada na comunidade da Cidade de Deus, Rafaela Silva entrou no Instituto Reação aos oito anos porque seus pais buscavam uma alternativa que pudesse tirá-la das brigas de rua. O talento bruto foi lapidado e aos 16 anos tornou-se campeã mundial júnior. Aos 20, disputou seus primeiros Jogos Olímpicos e, aos 21, conquistou a 1ª medalha de ouro do judô feminino brasileiro no Campeonato Mundial Sênior.

Nos Jogos Olímpicos Rio 2016, a atleta fez história ao ganhar o 1º ouro do Brasil na edição, tornando-se a única mulher brasileira com o título mundial e olímpico na modalidade.

MENU