SOS Rocinha

Post 17 of 304
SOS Rocinha

Fotos: Leandro Lima

No último dia 6 de fevereiro, o Rio de Janeiro foi surpreendido com um forte temporal, que deixou sete mortos e manteve a cidade por 60 horas em alerta máximo. Um dos locais mais afetados foi a comunidade da Rocinha, onde o Instituto Reação atua há 15 anos. Várias famílias perderam tudo, entre elas as de quatro alunos nossos.

“Foi apavorante. Eu olhei para o corredor e vi a água entrando. Na hora, fui salvar o Yuri, que estava jantando dentro do quarto, as calopsitas, e saí correndo. Depois entrei novamente na casa para pegar o meu gato, mas tive que entrar na água suja. Perdi o meu sofá-cama, que nunca tinha usado como cama, ventilador, panelas, roupas, sapatos… Até o material de escola, do reforço e o kimono do Reação do Yuri, nós perdemos. Quando a água baixou eu consegui voltar, com ajuda de muitos amigos, ja que sou deficiente física e possuo algumas limitações”, relatou Veronica da Silva Marques, mãe do aluno Yuri Marques Barcelos.


Para ajudar essa e outras famílias, o Instituto Reação e a Suderj se uniram para reforçar as campanhas de arrecadação em prol da comunidade da Rocinha. Contamos com o seu apoio, seja doando ou compartilhando nossa campanha do bem com as suas redes de contato.

Os itens mais urgentes são:

* Alimentos não perecíveis
* Produtos de limpeza
* Água
* Itens de higiene pessoal
* Roupas para adultos e crianças
* Roupas de cama e banho

 

SAIBA COMO AJUDAR

MENU